Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Minha Mãe

por Lopes Baptista Morais, em 23.04.17

Mulher linda

Empenhada, sacrificada

Só para poder me ver a viver

Sem nada me faltar

 

Minha Mãe

Como eu te admiro 

Por seres um exemplo de Mulher

É pena que ninguém

Quer colher

As tuas doutrinas

 

Carregaste-me no teu ventre

Como um cristal fui tratado

Nunca negado

 

Com dores me geraste

Mesmo assim não te cansaste

Eu sobrevivi

 

Me aturaste enquanto garoto

As vezes com calção roto

Chegava a casa

Não fazias caso

Como teu coração é nobre

Não pobre em dar

Por isso cresci

Mesmo assim não me esqueceste

Como a idade para ti não conta

Continuo a ser o seu bebé

 

Minha Mãe!

Ntondele!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 08:52


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D